Guimarães-Editor

Detalhes do autor

Nome: Guimarães-Editor
Data de registro: agosto 21, 2016

Biografia

Corretor de Imóveis e Seguros,tradicionalista,Editor do Jornal Virtual Chasque Pampeano, já foi um dos Coordenadores da Comissão de Cultura da Região Leste, ativista cultural, Presidente do Conselho Municipal de Cultura de Porto Alegre por 6 anos, Editor do Blog do Conselho, participando também do Fórum Municipal dos Conselhos da Cidade como 1º Presidente.Ex morador da CEUACA.Atualmente Presidente Conselho Assessor da 1ª RT/RS e Conselheiro Fiscal MTG/RS

Últimos Posts

  1. Falecimento de Hilton Araldi de Passo Fundo — outubro 27, 2020
  2. Chegada da Chama Crioula na sede da 1ª Região Tradicionalista/RS — setembro 7, 2020
  3. O Galpão de Estância — agosto 27, 2020
  4. Folclore, Dia Internacional – 22/08 – Parte V — agosto 21, 2020
  5. Folclore, Dia Internacional – 22/08 parte IV — agosto 21, 2020

Posts mais comentados

  1. Almoço Beneficente da Confraria Bóia do Sul — 3 comentários
  2. Fegadan será em Antônio Prado — 3 comentários
  3. Costureiras Gaúchas — 3 comentários
  4. Histórico do Parque e do Acampamento Farroupilha — 2 comentários
  5. DANÇAS PAIXÃO – VALSA DA MÃO TROCADA — 2 comentários

Listas de posts do autor

out 27

Falecimento de Hilton Araldi de Passo Fundo

  É com pesar que informamos o falecimento ontem do tradicionalista Hilton Araldi meu amigo parceiro de muito tempo das lidas pela cultura gaúcha pessoa interessada que ajudou várias entidades sempre divulgando os eventos, que era uma questão que ele gostava muito. Que o Patrão Velho das alturas te receba em seu rancho .

set 07

Chegada da Chama Crioula na sede da 1ª Região Tradicionalista/RS

Publicado por Primeira Região Tradicionalista em Segunda-feira, 7 de setembro de 2020

ago 27

O Galpão de Estância

  Antes de falar em galpão de estância, precisamos nos ater para a definição de estância. Estância é a propriedade rural cuja denominação tem origem nas propriedades rurais da Argentina e do Uruguai, e que chegaram até a então província de São Pedro pelos Jesuítas. Assim sendo estância é área rural, cujo proprietário conhecido como …

Continue lendo »

ago 21

Folclore, Dia Internacional – 22/08 – Parte V

A MEDICINA CAMPEIRA, BENZEDURAS E SIMPATIAS E A LÚDICA INFANTIL A medicina campeira é baseada na infusão de ervas medicinais e que até hoje é usada em longínquos lugares e que também foram repassadas de geração em geração. A parteira de campanha faz parte deste contexto, assim como as benzeduras, usada para cura de males, …

Continue lendo »

ago 21

Folclore, Dia Internacional – 22/08 parte IV

OS SÍMBOLOS GAÚCHOS O SIMBOLISMO REFORÇA O CULTO À TRADIÇÃO, E IDENTIFICA A CULTURA LOCAL No imaginário social; Decorrência da história; Questão de tradição ou folclore; Símbolos oficializados ou reconhecidos Ao longo de sua história de formação a comunidade gaúcha adotou símbolos da cultura local, a exemplo de outras que tiveram a sua estruturação cultural …

Continue lendo »

ago 20

Folclore, Dia Internacional – 22/08 Parte III

FOLCLORE GAÚCHO A INDUMENTÁRIA: O MODO DE VESTIR DO POVO GAÚCHO. E AS ATIVIDADES CAMPEIRAS ALGUNS ASPECTOS DO TRAJE MASCULINO Mais tarde com a estabilização das estâncias como propriedades rurais espalhadas por todo o território gaúcho, as lidas campeiras que passaram a ser a atividade principal do homem rural atuando como empregado fixo dessas localidades, …

Continue lendo »

ago 19

Folclore, Dia Internacional – 22/08 Parte II

FOLCLORE GAÚCHO É muita rica a cultura gaúcha e seu folclore. São inúmeros os aspectos que tornam o folclore gaúcho conhecido mundialmente, assim como faz dele um diferencial dentro do panorama cultural nacional. As manifestações populares da cultura sulriograndense denotam de tempos antigos, os quais referendam a formação do povo gaúcho e seu território. Haja …

Continue lendo »

ago 18

Regulamentação da Lei Aldir Blanc

DECRETO Nº 10.464, DE 17 DE AGOSTO DE 2020   Regulamenta a Lei nº 14.017, LEI ALDIR BLANC de 29 de junho de 2020, que dispõe sobre as ações emergenciais destinadas ao setor cultural a serem adotadas durante o estado de calamidade pública reconhecido pelo Decreto Legislativo nº 6, de 20 de março de 2020. …

Continue lendo »

ago 18

Folclore, Dia Internacional – 22/08 parte I

MITOS, LENDAS E CRENDICES Folclore é o conjunto de tradições e manifestações populares constituído por lendas, mitos, provérbios, danças e costumes que são passados de geração em geração. A palavra tem origem no inglês, em que “folklore” significa sabedoria popular. A palavra é formada pela junção de folk (povo) e lore (sabedoria ou conhecimento). O …

Continue lendo »

ago 11

Agosto, mês da chama crioula: datas e locais de geração

recordando algumas datas e locais de geração. ALGUNS LOCAIS HISTÓRICOS DE ACENDIMENTO (fonte: Blog Rogério Bastos, Chasque pampeano e entrevistas) 1947 Nasce o evento de acendimento com a retirada da centelha da pira da pátria por Paixão Côrtes 1957 em São Gabriel no local onde aconteceu a Batalha de Caiboaté 1958 onde nasceu o Gen …

Continue lendo »

ago 08

A Heroína de dois Mundos – ANITA GARIBALDI – morria em 4/08/1849 – parte V (última)

MESMO GRÁVIDA E DOENTE, ANITA CAVALGOU E LUTOU CONTRA OS AUSTRÍACOS Durante todo este trajeto, Anita não sentia -se muito bem, mas continuou tributando seu mal estar à manifestação rotineira de sua avançada gravidez. Mesmo assim não desistia de estar ao lado do marido nas marchas e combates. Garibaldi tentou convencê-la a ali ficar, até restabelecer-se. …

Continue lendo »

ago 07

A Heroína de dois Mundos – ANITA GARIBALDI – morria em 4/08/1849 – parte IV

A CHEGADA DE ANITA FOI NOTÍCIA DE JORNAL NA ITÁLIA Durante os 60 dias que durou a viagem para a Itália, Anita teve a oportunidade de ler a “História de S. Luiz – Rei da França”, que lhe foi presenteado pelo abade e amigo Paulo Semidei. Os legionários italianos e a própria Anita, não tiveram …

Continue lendo »

ago 06

A Heroína de dois Mundos – ANITA GARIBALDI – morria em 4/08/1849 – parte III

  GARIBALDI, ANITA E MENOTTI PARTIRAM PARA O URUGUAI LEVANDO 900 BOIS Em fins de abril de 1841, após diversas semanas de inatividade militar, resolveu, então, pedir dispensa do Exército republicano, pois pretendia retomar as suas atividades embarcado, ou quanto muito, fixar-se junto a um Porto, onde poderia conviver com o mar, a sua grande paixão …

Continue lendo »

ago 05

A Heroína de dois Mundos – ANITA GARIBALDI – morria em 4/08/1849 – parte II

ANA MARIA DE JESUS RIBEIRO.. A BORDO, ANITA FEZ EXERCÍCIOS DE TIROS E PREPAROU-SE PARA AS BATALHAS Porque recém ocupada a Vila de Laguna, e porque a Marinha republicana passou a existir somente após a ocupação, Garibaldi havia recrutado homens inexperientes na arte dos combates navais. Eram, porém, homens movidos por ideais, dispostos a lutarem. Ansiavam …

Continue lendo »

ago 04

A Vida, seus percalços e a Calamidade extrapoladora da Quarentena Coronaviralizada

 – Dilmar Paixão – (professor, escritor e poeta) Entretido e cuidando de preservar a saúde mental no meu brinquedo favorito contemporâneo de – quarentenado e #FiqueEmCasa – escrever textos, poesias e brincar com as palavras, anotei três significados do dicionário para o termo vida. São os sinônimos: biografia, história e existência. Ouvi do poeta, amigo, …

Continue lendo »

ago 04

A Heroína de dois Mundos – ANITA GARIBALDI – morria em 4/08/1849 – parte I

ANA MARIA DE JESUS RIBEIRO “Ana Maria de Jesus Ribeiro, nasceu em Laguna – SC, no dia 30 de gosto de 1821, depois ficou conhecida como Aninha e mais tarde, como Anita Garibaldi -” A Heroína dos Dois Mundos”. Enquanto a maioria dos historiadores afirma ter nascida em Laguna, outros a pretendiam como nascida em …

Continue lendo »

jul 28

Maj. João Cezimbra Jacques parte II

Patrono do Tradicionalismo Gaúcho 13/11/1848 – 28/07/1922 O MILITAR JOÃO CEZIMBRA JACQUES Sua vida militar pode ser assim resumida: Em 1867, contando apenas 18 anos de idade e à revelia de seus avós, por quem estava sendo criado, alistou-se no 2º Regimento de Cavalaria, que passou a integrar o 3º Corpo do Exército Brasileiro que …

Continue lendo »

jul 28

Maj. João Cezimbra Jacques parte I

Patrono do Tradicionalismo Gaúcho 13/11/1848 – 28/07/1922 João Cezimbra Jacques (Santa Maria, 13 de novembro de 1848 — Rio de Janeiro, 28 de julho de 1922) foi um militar brasileiro, precursor do Movimento Tradicionalista Gaúcho. Militar de Cavalaria, foi voluntário na Guerra do Paraguai aos dezoito anos, em 1867, servindo no 2º Regimento de Cavalaria. …

Continue lendo »

jul 25

República Juliana

Governo República presidencialista Presidente David Canabarro Período histórico Século XIX • 29 de julho de 1839 Proclamação da República Juliana • 24 de julho de 1839 Tomada de Laguna • 10 de setembro de 1839 Seival • 15 de novembro de 1839 Retomada de Laguna A República Juliana, ou República Catarinense, foi um Estado, já …

Continue lendo »

jul 18

O Tradicionalismo Gaúcho, Covid19 e as Ações Solidárias

PELO DIA NACIONAL DA CARIDADE – 19/07 Os tradicionalistas ou os “militantes do movimento” como define Jarbas Lima em sua tese O sentido e o Alcance Social do Tradicionalismo, aliciaram-se de forma ativa e corporificada na campanha comunitária de ajuda aos que foram atingidos de uma maneira ou de outra pela pandemia do novo Corona …

Continue lendo »

jul 17

A História de Cabo Toco

Colaboração Cesar Tomazzini Liscano Primeira mulher a integrar as fileiras da corporação da Brigada Militar, em 1923. Participou dos movimentos revolucionários de 1923, 1924 e 1926. Cabo Toco é a patrona da primeira turma de Policiais Militares Femininas do Estado do Rio Grande do Sul. Olmira Leal de Oliveira nasceu em 18 de junho de …

Continue lendo »

Posts mais antigos «