Deprecated: mysql_connect(): The mysql extension is deprecated and will be removed in the future: use mysqli or PDO instead in /home/chasquepampeano/public_html/Connections/Connection.php on line 18
Chasque Pampeano:Os Dragões de Rio Pardo...

Visitante Nº:
contador de visitas

  Aqui as últimas matérias do meio tradicionalista...

 

 

 

22/07/2007

Os Dragões de Rio Pardo
 
Venho de proferir conferência sobre os Dragões de Rio Pardo no aprazível Centro Cultural daquela histórica cidade. Os Dragões eram soldados treinados para combater a pé e a cavalo, conforme as exigências das circunstancias, e foram fundamentais para a formação do Rio Grande do Sul. Valentes, fortes, grandes cavaleiros, guerreiros invencíveis, manejando a espada, a lança, a pistola ou o mosquete, os Dragões escreveram com seu sangue páginas brilhantes ao longo dos 82 anos de sua permanência em Rio Pardo.

Organizados como um esquadrão, primeiramente pelo Brigadeiro José da Silva Paes no Presídio Jesus-Maria-José, no Porto de Rio Grande, seu primeiro comandante foi o bravo capitão Francisco Pinto Bandeira, grande herói da nossa formação. Em 1737, a rigor, começa a saga do glorioso regimento, mas só em 1739, sob o comando de Diogo Osório Cardoso e logo de Tomaz Luiz Osório, começa verdadeiramente a saga heróica dos Dragões.
Em 1750, é assinado o Tratado de Madrid, assinalando o começo de um período de paz entre Espanha e Portugal. E os exércitos ibéricos tiveram que vencer a resistência missioneira para ocupar o Sete Povos das Missões. Os Dragões se cobrem de glória. Logo depois, têm que enfrentar os próprios espanhóis de Vertiz e De Ceballos, firmando o nome de Rio Pardo como Tranqueira Invicta. Os Dragões casavam com as moças de Rio Pardo e formavam as famílias dos grandes heróis da formação da nossa terra.
E hoje aí está Rio Pardo, bela no seu casario vetusto. No velho pórtico de heróis que dá entrada ao histórico Colégio Militar de Rio Pardo - hoje o Centro Regional de Cultura -, eu cheguei a cavalo ladeado por Elton Saldanha, escoltado por Dragões e seguido por luzido piquete de cavalaria. Desde a Igreja Matriz, ao longo da Avenida Andrade Neves, fomos saudados pelo povo e fomos recebidos pelo prefeito Joni Lisboa da Rocha e autoridades, além de meus irmãos maçons rotarianos e tradicionalistas.
A perfeição da organização e a elegância da cerimônia se deveu muito ao meu amigo Ronaldo Pinto Gomes e à sua ligação com a cidade. Tudo funcionou com perfeição, graças ao zelo e eficiência de Roberto Floriani Raupp, jovem presidente da Agência de Desenvolvimento de Rio Pardo, e da professora Eneiva Muller e seus colaboradores. O secretário de Turismo do Estado, Luiz Augusto Lara, se representou pela bela Marla Hanssen. Elton Saldanha, Ernesto Fagundes e o rio-pardense Maurício Marques encerraram as palavras que proferi com uma atuação que comoveu o seleto público. Foi uma noite inesquecível!

Fonte: Coluna Nico Fagundes em ZH - nico.fagundes@zerohora.com.br

 


Você também pode publicar um artigo de sua autoria no Jornal Virtual Chasque Pampeano. Mande seu texto e/ou foto, Cliques aqui para enviar:CHASQUES

Volta para página inicial